Click here to edit subtitle


CAMPEONATO ZONA SUL DE CICLISMO 2014 

REGULAMENTO

DO CALENDÁRIO

Art 1º - O Campeonato Zona Sul de Ciclismo será realizado entre fevereiro e dezembro de 2014 em cidades da região sul do Rio Grande do sul.

§1º - PRÉ-CALENDÁRIO:




§2º - Em caso de necessidade, a organização reserva-se no direito de alterar os meses e locais acima mencionados mediante divulgação prévia.

DOS TIPOS DE PROVA

Art 2º - As provas poderão ser em circuito, estrada e/ou do tipo contra-relógio.

§ 1º - Nas provas de circuito, aqueles que pegarem vácuo de atletas de categorias que não a sua serão desclassificados.

§ 2º - Nas provas em estrada, os atletas que transitarem pela esquerda da rodovia serão desclassificados.

§ 3º - Nas provas em circuito com menos de 4km por volta, poderá haver volta de bonificação para furo de pneus e problemas mecânicos, exceto se a prova estiver nos 10minutos finais.

I - Para ter direito à volta de bonificação, a troca de roda ou reparo mecânico deve ocorrer em uma área delimitada de 10 metros antes ou depois da linha de chegada.

II - O atleta deve percorrer o trajeto oficial do circuito até chegar a área de reparo.

III - Caso o atleta não respeito o trajeto do circuito e busque chegar a área de reparo por atalhos, não haverá volta de bonificação.

IV - O atleta que optar por realizar o reparo fora da área delimitada de 10 metros antes ou depois da linha de chegada não terá direito a volta de bonificação.

DAS INSCRIÇÕES

Art. 3º - Os participantes poderão se inscrever antecipadamente ou no dia da prova.

§ 1º - As inscrições antecipadas deverão ser realizadas pelo site do Campeonato Zona Sul de Ciclismo - http://zsciclismo.webs.com - até 48h antes do dia da prova e terão o valor de R$35,00 (trinta reais).

§ 2º - Poderão ser realizadas inscrições no dia da prova até 30minutos antes do início das largadas. O valor para inscrições no dia da prova será de R$40,00 (trinta e cinco reais)

Art. 4º - As inscrições somente terão validade mediante assinatura do termo de responsabilidade, disponibilizado no dia da prova. Menores de 18 anos de idade deverão ter o termo de assinado por um responsável.

DAS CATEGORIAS

Art 5º - As categorias oficiais do campeonato em 2013 são:


§ 1º - Para participar na Elite, o atleta deve ter experiência com o ciclismo competitivo há pelo menos 2 anos.

Art 6º - Ao final do campeonato, os três primeiros colocados na categoria Sub30, bem como o campeão da Master A serão promovidos à categoria Elite no ano de 2014.

§ único - Exceção poderá ser feita caso o atleta esteja mudando de categoria em função da idade (Sub30 para Master A ou Master para Master B).

Art. 7º - A categoria Estreante é destinada àqueles que estão iniciando no ciclismo competitivo, sendo que os dez primeiros colocados ao final do campeonato deverão correr nas suas respectivas categorias por idade em 2015.

Art. 8º - Participantes do sexo feminino podem optar por correr na categoria feminino ou na sua respectiva categoria de idade, aberta a ambos os gêneros.

DAS BICICLETAS E EQUIPAMENTOS

Art 9º - É obrigatório o uso de capacete próprio para a prática do ciclismo em todas as categorias

Art. 10 - É obrigatório que a bicicleta, independente de ser do tipo de ciclismo ou MTB, tenha os dois freios (dianteiro e traseiro) funcionando adequadamente.

§ único - A não observância deste item acarreta na desclassificação do atleta na prova.

Art. 11 - As bicicletas do MTB deverão ter tamanho de roda entre 26” e 29” e os pneus deverão ser de, no mínimo, 1.0, devendo o guidão ser do tipo de MTB, não sendo permitidas adaptações.

DA PONTUAÇÃO

Art. 12 – A pontuação, de acordo com a classificação do atelta, se dará sa seguinte forma:


§ Único – Todos aqueles que iniciarem, mas por ventura não completarem a prova recebem 1 ponto.

DA PREMIAÇÃO

Art. 13 - Os cinco primeiros colocados de cada categoria receberão premiação (troféu ou medalha) alusiva à etapa.

Art. 14 - Ao final do campeonato, somando-se todos os pontos obtidos no decorrer das etapas, os cinco primeiros colocados de cada categoria receberão premiação (troféu ou medalha) alusiva à conquista.

§ 1º - Todo atleta deverá descartar um resultado, independente do número de etapas que participou.

§ 2º - Somente aqueles que participaram de, pelo menos, 51% (6 ou mais etapas) das etapas terão direito a premiação geral do campeonato.

§ 3º - Em caso de empate em número de pontos entre dois ou mais atletas, o critério de desempate será o maior número de vitórias. Persistindo, o desempate será a melhor classificação na última etapa.

DAS EQUIPES

Art. 15 - O atleta poderá vincular-se à uma Equipe, cujo número de atletas será ilimitado.

§ 1º- Ao optar por registrar-se em uma Equipe, o ciclista ficará vinculado à esta até o final da temporada, não podendo optar por outra no decorrer do campeonato.

Art. 16 - As equipes só poderão inscrever novos atletas até a quinta etapa do Campeonato, quando será divulgada a lista oficial das Equipes.

Art. 17 - A classificação das EQUIPES no Campeonato se dará pelo somatório de pontos individuais dos atletas classificados em cada etapa, sem descarte de nenhuma etapa.

Art. 18 – Os pontos obtidos na categoria ELITE deverão ser multiplicados por 2 (dois).

Art. 19 - Em caso de empate em número de pontos entre duas ou mais equipes, o critério de desempate será o maior número de vitórias individuais de atletas. Persistindo o desempate será a melhor classificação individual na última etapa.

DA UTILIZAÇÃO DE RÁDIOS E OUTROS DISPOSITIVOS DE ÁUDIO

Art. 20 - Será permitida a utilização de rádios comunicadores com fones de ouvidos durante a prova.

§ único - A comunicação poderá ser entre os atletas e/ou dirigentes, sendo proibída a utilização de dispositivos eletrônicos de áudio para outros fins.

DA NUMERAÇÃO

Art. 21 - Quando do momento da assinatura do termo de responsabilidade, o atleta receberá um número para a temporada 2013.

§ 1º - O número não poderá ser modificado (recortar para diminuir o tamanho, por exemplo) e o atleta o utilizará durante toda a temporada.

§ 2º - No caso de perda ou danificação do numeral, será disponibilizado pela organização um novo número sob o valor caução de R$10,00 que será devolvido ao retornar o novo numeral.

Art. 22 - O número deverá ser fixado na parte inferior traseira da camiseta (sobre o bolso do meio da camiseta de ciclismo) e deverá estar visível durante toda a prova.

PROTESTO

Art. 23 - O atleta ofendido poderá encaminhar protesto por escrito à organização do evento, mediante pagamento de taxa correspondente a R$ 500,00.

§ único - Caso o protesto seja aceito, o valor será devolvido.

Art. 24 - Os protestos efetuados serão avaliados pelos promotores do evento, no prazo máximo de 2 horas após a divulgação dos resultados.

DAS DISPOSIÇÕES COMUNS

Art. 25 – Casos omissos a este regulamento serão decididos pela Comissão Organizadora, tendo como base o Regulamento técnico da modalidade e as normas da Confederação Brasileira de Ciclismo.


Art. 26 - Este Regulamento terá validade por tempo indeterminado, podendo sofrer alterações por parte da Comissão Organizadora sem aviso prévio, conforme necessidade de ajustes ao longo do ano corrente.

campeonato zona sul de ciclismo